29/05 (08h20) - Atualizado em: 29/05 (08h20)

Governo entrega minitratores e kits de irrigação a produtores de Oeiras

O governador Wellington Dias visitou a Exposição dos Potenciais do Homem do Campo de Oeiras (V Expoeiras). Na oportunidade, além de conferir o trabalho que vem sendo desenvolvido na cidade, fez a entrega de dois minitratores para as comunidades Melancia Baixa e Canto Vereda, além de kits de irrigação.

“Esse é um modelo que queremos trabalhar em todas as exposições agropecuárias do estado. Houve um tempo que as feiras estavam voltadas mais para as festas, mas agora, além de shows, queremos que os produtores tenham retorno após o evento. Não podemos esquecer o objetivo principal de uma feira agropecuária que é estimular a produção vegetal e animal, cada vez, com mais qualidade. Aqui vai ficar muita coisa, primeiro dinheiro circulando na economia da cidade e, por consequência, no estado, por meio das transações comerciais feitas no evento e dos financiamentos. Hoje a Agência de Fomento fez a entrega de quatro termos de compromisso de financiamento para a bacia leiteira, além disso, o Banco do Nordeste liberou um R$ 1.700.000”, comenta Wellington.

O prefeito de Oeiras, Zé Raimundo, falou do desafio de realizar uma feira tão grandiosa. “Esta é a nossa quinta feira, como gestor de um município pequeno e que enfrenta dificuldades, mas encaramos o evento como uma necessidade de provocar o homem do campo para que ele melhore a renda e, com esse reforço na agricultura, o município fica mais rico e fortalecido. Com isso, você faz com que esse agricultor se fixe no campo”, disse Zé Raimundo.

O gestor da Coordenadoria Estadual de Fomento à Irrigação (Cofir), B. Sá, ressalta a importância dos kits de irrigação para os produtores. “A coordenadoria fez a entrega de 32 kits de irrigação, sendo 20 para pequenos produtores rurais, seis para o Instituto Federal do Piauí, e seis para Escola Agrícola da Família. As pessoas que receberam esses kits já estão sendo treinadas e capacitadas, e quando eles forem ser utilizados na terra, terão total apoio da coordenadoria”, acrescentou o coordenador.

Ana Cristina, gerente da empresa Max Campo, está expondo na Expoeiras e comemora o trabalho realizado. “Esse é o segundo ano que participamos deste evento e aqui divulgamos as tecnologias de convivência com o Semiárido. Trazemos alternativas para a alimentação, principalmente do gado de leite, pois queremos revitalizar a bacia leiteira. A empresa tem o projeto de diminuir os custos para a produção do leite, pois, no Semiárido, os custos são muito altos. E aqui nós estamos divulgando essas tecnologias, a feira está sendo muito produtiva”, finaliza a expositora.

Com informações da Assessoria

Comente com Facebook